A diferença entre NAMORAR e FICAR

9 de dez de 2011



O mundo jovem de hoje em dia nos traz enorme praticidade em diversos sentidos, comportamento, culturas, visual, e até mesmo no campo dos relacionamentos. 
Não é atoa que os mais velhos não conseguem se adaptar à tanto desenvolvimento, e a dúvida mais freqüente quanto ao novo mundo de relações pessoais gira em torno de namorar e ficar. Embora se pareçam muito, esses tipos de relacionamentos são bem diferentes ao ponto de vista do jovem. 
Ficar é termo usado para relações breves (varia entre um dia e uma semana) e sem regras, às vezes não passa de um beijo. Frequentemente acontece em escolas, baladas, bares e ambientes para diversão. É liberal, e sem qualquer compromisso, permitindo até que os “ficantes” trocarem de par por várias vezes em uma só festa. 
O namoro é visto como um compromisso, um relacionamento de longo prazo (varia entre meses e anos) o casal é apresentado para as famílias e para a sociedade. Muitas das vezes o namoro surge após o casal “ficar”, acontece quando a sintonia é grande e acaba dando espaço a sentimentos mais fortes. E é o namoro que geralmente dá origem ao noivado e ao casamento. 
Mas no final das contas , o verdadeiro lance do novo mundo é que a liberdade e a diversão caminhem junto.

0 comentários:

Postar um comentário

Atenção: Se vc não tiver uma conta google, escolha Nome/URL - Coloque apenas o seu nome e comente.

OBS. Os Comentários dos leitores não refletem a opinião do blog.